Em busca de recursos subsidiados, com taxas a partir de 6,5% ao ano? Receba o Manual de Captação de Recursos e participe de Curso Introdutório - tudo GRÁTIS.

Quero Manual e Curso Introdutório

Software de análise de projetos

Um software de Análise de Projetos é utilizado apenas a nível interno em Bancos, Agência de Desenvolvimento ou Fomento. Ele é a ferramenta que vai implementar os parâmetros de análise definidos pela política de crédito sobre as informações geradas na fase de elaboração de projetos.

A falta de padronização e informatização dos processos internos de elaboração e análise de projetos resulta na elevada demora do atendimento dos clientes, além da dificuldade de acesso a informações gerenciais. Em geral há excesso de retrabalho no esforço de digerir as informações recebidas do elaborador de projetos, geralmente um parceiro externo. Mesmo que ele utilize uma ferramenta de elaboração padronizada, há ainda a necessidade de transferir parte das informações do projeto para os documentos que compõem o parecer do analista.

A perfeita integração entre software de Elaboração de Projetos e software de Análise de Projetos garante o alcance de elevados índices de produtividade por parte do analista, pois, além de encontrar as informações dos projetos sempre no mesmo formato, ele captura de forma simples e eficiente essas informações para seu ambiente de trabalho.


PROJETOS PRIVADOS – CURSOS EXTENSOS

DOMÍNIO PROFISSIONAL DO SEAP – SISTEMA DE ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE PROJETOS

DATA INÍCIO DA PRÓXIMA TURMA EAD –  Solicite informações comerciais

Quero receber informações comerciais

Mais informações sobre a turma EAD: http://bit.ly/infoSEAP301


Um software de análise de projetos pode ou não incorporar o controle do processo, capaz de dar visibilidade à tramitação interna dos documentos gerados pelo processo de concessão de crédito.

Resumindo, podemos destacar alguns benefícios para o uso de um software na fase de elaborar projetos :

  • Implementa as diretrizes da Política de Crédito no tocante à análise de projetos
  • Uniformiza os parâmetros técnicos de Análise de Projetos
  • Evita o descumprimento das diretrizes traçadas para a análise por falta de entendimento ou má interpretação
  • Libera o Analista de Projetos da maçante tarefa de redigitar informações, podendo se concentrar nos aspectos qualitativos da análise
  • Implementa elevado padrão de produtividade, evitando qualquer retrabalho na tramitação de documentos
  • Cria uma base de conhecimento, para construção futura de Redes Neurais e prática de Business Inteligence
  • Permite acesso aos parâmetros técnicos de projetos armazenados nas Bases Corporativas
  • Permite realizar avaliação do trabalho dos parceiros que elaboram projetos
  • Geração automática de informações para terceiros (BNDES, Banco Central, etc)

Se houver a implementação do controle dos processos envolvidos na análise, pode-se destacar ainda:

  • Geração de gráficos e relatórios gerenciais que visem acompanhar a tramitação pontual dos projetos
  • Medir os tempos médios de análise, por tipo de projeto
  • Medir produtividade dos analistas
  • Levantamento de informações sobre o impacto dos projetos para a economia da região de atuação, como variáveis de emprego e renda
  • Levantamento de informações sobre o volume das operações realizadas e em andamento